24 C
Caçador
sexta-feira, dezembro 4, 2020

Alemanha e França anunciam lockdown parcial após explosão de casos de Covid-19

- Publicidade -
- Publicidade -

Os governos da Alemanha e da França anunciaram nesta quarta-feira, dia 28, um lockdown parcial para conter a segunda onda do novo coronavírus nos dois países.

 

As novas medidas ocorrem em uma semana de forte alta nos casos de Covid-19 na Europa, com mais diagnósticos do que a onda mortal vista no primeiro semestre. O intuito é evitar o colapso de hospitais, como ocorrido meses atrás, no começo da pandemia.

 

Em comum, as novas diretrizes anunciadas incluem o fechamento de bares e restaurantes. Apenas escolas podem abrir.

 

Angela Merkel, chanceler da Alemanha (Foto: Fabrizio Bensch/Pool/Reuters)

Na Alemanha a decisão foi tomada depois que autoridades de saúde registraram quase 15 mil novos casos em 24 horas — o maior número de diagnósticos diários no país desde o início da pandemia. São mais de 449 mil casos de Covid-19 desde o começo da crise sanitária na Alemanha.

 

Segundo o governo alemão, os hospitais do país ainda têm capacidade de lidar, em número de leitos, com os infectados pela doença. Porém, há o temor de que a ocupação hospitalar se torne um problema nas próximas semanas.

 

O presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou a retomada de medidas como o fechamento de bares, restaurantes e comércios e a volta da exigência de que as pessoas que circulem nas ruas apresentem justificativas. As escolas até o ensino médio permanecem abertas, mas deverão seguir protocolos que ainda não foram divulgados.

 

O comércio, segundo o presidente, poderá reabrir em 15 dias caso as autoridades avaliem que as primeiras semanas do lockdown deram bons resultados.

 

Em pronunciamento na televisão, Macron avaliou que o impacto da segunda onda da Covid-19 será pior do que o primeiro pico da doença no país, entre março e abril. “A segunda onda será sem dúvidas mais dura e mortal do que a primeira”, disse. De acordo com as autoridades de saúde francesas, entre 40 mil e 50 mil novas infecções têm sido identificadas todos os dias.

- Publicidade -

Últimas notícias

Quatro são condenados e um é absolvido pela morte do vendedor ambulante

Depois de mais de 14 horas de julgamento, chegou ao veredito dos cinco réus denunciados pela morte de Marcelo Balvino Correia. Quatro dos réus...
- Publicidade -

Detran informa prazos para renovação de CNH e documentação de veículos

Quem precisa renovar a Carteira Nacional de Habilitação ou documentos e processos de veículos deve estar atento aos prazos. Em Santa Catarina, o Detran...

Idosa de 102 anos vence Covid pela segunda vez

É impressionante a força da dona Angelina Friedman. Aos 102 anos, ela acaba de vencer a Covid-19 pela segunda vez! A idosa da saúde de ferro mora em uma...

Avô e neto com Down exibem cicatriz de cirurgias: poder de sobrevivência

Vovô e netinho exibem cicatrizes de cirurgias cardíacas, numa sessão de fotos adorável, pra mostrar que vale a pena lutar pela vida. James O’Leary, de...

Notícias relacionadas

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta que o governo prorrogará o auxílio emergencial caso haja uma segunda onda da pandemia do...

Memorial de vítimas da Covid-19 é inaugurado no Rio neste domingo

Monumento de quase três toneladas foi instalado em área verde revitalizada no Cemitério da Penitência, no Caju. Quatro mil vítimas da doença poderão ter...

Vídeos mostram aglomeração em praia de Santa Catarina; assista

Imagens que circulam nas redes sociais mostram aglomerações na Praia do Rosa, em Imbituba, durante o fim de semana. As pessoas aparecem sem máscaras...

Covid-19: Iniciativa privada vai doar R$ 100 milhões para produção de vacina na Fiocruz

Além da verba a ser destinada pelo governo federal para a produção da vacina contra a covid-19, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) deve receber...
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui