29.5 C
Caçador
sábado, novembro 28, 2020

Companhia aérea oferece voo de 7 horas a lugar nenhum e lota avião

- Publicidade -
- Publicidade -
Antes da pandemia, muitos de nós enxergávamos voos de avião apenas como um método de ir de um destino a outro o mais rápido possível.
No entanto, com suspensões de viagens, fronteiras fechadas e ordens de quarentena nos mantendo confinados em nossas casas, alguns viajantes têm sonhado não só com os destinos longínquos atualmente indisponíveis, mas com a própria experiência do voo — da emoção da decolagem às paisagens da Terra vistas de cima pelas janelas da cabine.
É aí que os “voos a lugar nenhum” aparecem: viagens aéreas criadas pelo puro propósito da jornada, não, do destino.
A australiana Qantas anunciou recentemente planos de um voo cênico de sete horas que vai rodar as províncias da Costa Dourada até os remotos Outbacks.
De cima, os ávidos passageiros poderão visualizar atrações nacionais famosas, incluindo a Baía de Sydney e a Grande Barreira de Corais. O jato voará baixo sobre alguns pontos de interesse, incluindo o Uluru e a praia Bondi.
Entretenimento especial a bordo também foi prometido, incluindo uma celebridade anfitriã surpresa.
A jornada vai ser em um Boeing 787 Dreamliner, normalmente reservado para trechos intercontinentais. No momento, há bem poucos voos entrando e saindo da Austrália devido às restrições de viagem e a frota internacional da Qantas está parada.
O Dreamliner é conhecido por suas grandes janelas, tornando-o ideal para uma visita panorâmica a mais de 9.000 metros de altura.
O voo QF787, previsto para decolar do aeroporto doméstico de Sydney em 10 de outubro e para retornar à metrópole australiana sete horas mais tarde, se provou popular.
Os 134 bilhetes, divididos entre classe executiva, econômica premium e econômica, que custavam entre 787 a 3.787 dólares australianos (R$ 3.014 a R$ 14.503, aproximadamente), teriam esgotado em apenas 10 minutos.
Fonte: CNN
Foto: Divulgação/Qantas
- Publicidade -

Últimas notícias

Cerca de 40 trabalhadores em situação análoga à escravidão são resgatados em Ituporanga, com apoio da PRF

A operação que iniciou no dia 17 e terminou ontem, 26, também contou com apoio da Defensoria Pública da União e do Ministério Público...
- Publicidade -

Família de menina que foi atropelada pede ajuda da comunidade para custear cirurgia

A família da pequena Ana Carolina Ribeiro, de cinco anos, está buscando por apoio da comunidade para poder pagar pela cirurgia da criança que...

Chuva deve retornar a Santa Catarina em dezembro

O verão inicia em 21 de dezembro e traz com ele a tão esperada chuva para Santa Catarina. Essa previsão otimista para o próximo...

Com 18 anos completados em abril de 2020, vereador mais jovem de SC é de Irani

O vereador mais jovem eleito em Santa Catarina é do município de Irani. Adrian Sganzerla (PP) completou 18 anos em abril de 2020. Com 314 votos,...

Notícias relacionadas

EUA: presidente e primeira-dama têm teste positivo para covid-19

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, que minimizou a ameaça da pandemia do novo coronavírus por meses, anunciou nesta sexta-feira (2) que ele...

MUNDO: Primeiro homem curado do HIV morre de câncer nos EUA

O primeiro paciente do mundo curado de HIV, Timothy Ray Brown, morreu vítima de um câncer na Califórnia, nos Estados Unidos. O anúncio foi...

Navio movido exclusivamente a vento pode revolucionar o transporte marítimo

Como vai funcionar o Oceanbird? O navio é constituído de cinco velas de aço, que parecem asas de um avião. Quando são içadas, elas alcançam...

Incêndio atinge porto de Beirute pouco mais de um mês após explosão

Um grande incêndio atingiu um depósito de pneus e óleo no porto de Beirute, no Líbano, nesta quinta-feira (10), pouco mais de um mês...
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui