4.8 C
Caçador
sábado, junho 12, 2021

Cavaleiro olímpico é acusado após vídeo de agressão a pônei viralizar

- Publicidade -
- Publicidade -

Brigando pela vaga brasileira no adestramento dos Jogos Olímpicos de Tóquio no ano que vem, o cavaleiro brasileiro Leandro Silva foi filmado maltratando um pônei no seu haras Ibiúna, no interior de São Paulo. A gravação, que ele diz ser antiga, repercutiu entre defensores dos animais e no meio do hipismo nos últimos dias. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) já investiga o caso.

Na gravação, que de acordo com Leandro foi feita pelo seu próprio filho mais velho, é possível ver o cavaleiro, que disputou os Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, montado sobre um pônei e maltratando o animal. Bronze no Pan de Lima, no ano passado, Leandro se explicou numa postagem do Facebook replicada pela revista Horse.

“Temos um pônei que é tratado com tudo do bom e do melhor, mas atacou minha filha de 2 anos, mordeu fio as costas dela, deixou na carne viva. Na hora fiquei muito indignado, porque ele foi realmente maldoso. Do jeito que eu estava, no mesmo momento montei ele para tentar mostrar que ele não deveria mais ter aquele tipo de atitude. Eu estava sem chicote, sem botas ou esporas e apenas com bridão”, explicou.

Ele admitiu que “não é desta maneira o correto de corrigir”, mas que, depois de ver a filha machucada, agiu errado. “Gostaria de me desculpar. Durante toda minha carreira, nunca tive nenhum episódio de má conduta, e devo toda minha vida aos cavalos”, continuou. À revista Horse, explicou que o vídeo foi compartilhado com amigos pelo filho em tom de brincadeira, para mostrar o pai sobre um pônei.

Natural de Cárceres (MT), Leandro cresceu em um haras administrado pelo pai em Avaré (SP) e fez carreira no adestramento. Graças a ele o Brasil conseguiu vaga por equipes em Pequim, fato único na história da modalidade. Entre as diversas competições nas quais representou o país está também o Pan de Santo Domingo, em 2003, e Guadalajara, em 2011.

Agora ele lutava pela vaga do Brasil em Tóquio. O país chegou a conseguir a classificação por equipes pelo Pan, mas não atingiu, até o fim do ano, o critério necessário para manter o posto. Com isso, o Brasil passou a ter só uma vaga, que é disputada por vários atletas, com destaque para João Victor Oliva, filho de Hortência.

Leandro também é prestador de serviços na tradicional Sociedade Hípica Paulista, onde as queixas também chegaram em grande número nos últimos dias. O clube estuda as ações cabíveis contra Leandro e contra o filho deste, que também presta serviços ali.

- Publicidade -

Últimas notícias

Prefeitura repassa R$ 220 mil para aquisição de ambulância

A Prefeitura de Caçador fez o repasse de R$ 220 mil para a aquisição de uma ambulância para os Bombeiros Voluntários. O veículo será...
- Publicidade -

Novo decreto para bares e restaurantes está em discussão pelo governo de SC e entidades

A Associação de Bares e Restaurantes de SC (Abrasel) e o secretário de Saúde de SC, André Motta Ribeiro, se reúnem na segunda-feira (14)...

Casal é preso por tráfico de drogas em Caçador

A Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira, 11, um casal pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. A prisão...

Após perder o controle, adolescente de 16 anos capota carro na SC-418

Um motorista de 16 anos capotou um carro, na noite desta quinta-feira (10), na SC-418 em São Bento do Sul, região Norte de Santa Catarina. O...

Notícias relacionadas

Saúde e Fesporte divulgam portaria conjunta sobre prática esportiva

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) publicou nesta segunda-feira, 12, uma portaria conjunta com a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) para orientar empreendedores,...

Caçador tem duas atletas convocadas para a Seleção Brasileira

A técnica Pia Sundhage anunciou, nesta quinta-feira (25), a lista das 24 atletas convocadas para o período de preparação da Seleção Brasileira Feminina na Granja Comary, em Teresópolis (RJ)....

Governo de SC libera prática de esporte coletiva e individual

O Governo de Estado de Santa Catarina voltou atrás nesta segunda-feira (29) e revogou um artigo do decreto de 19 de março, que veta...

Defesa espetacular: “Tirar uma bola daquela é como ter feito um gol”, diz Fran Bonfanti

O Avaí Kindermann não conseguiu a classificação adiantada na Copa Libertadores da América nesta segunda-feira (8), em jogo diante do Santiago Morning, mas fez...
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui